Você está aqui
Home > Pesquisas > Análise do Mercado de Turismo Brasileiro – Tendências

Análise do Mercado de Turismo Brasileiro – Tendências

Atualmente, o fluxo de novas informações é muito mais intenso do que anos atrás. Novidades surgem o tempo todo, solucionando problemas e permitindo o uso de recursos que jamais imaginaríamos em décadas passadas. Portanto, inovação é a palavra constante no mundo atual. Mas como criar um negócio que tenha como principal característica o “novo” em seu serviço ou produto?

Qual a forma dos profissionais e das agências de viagens sobreviverem às mudanças constantes e imprevisíveis que estão acontecendo com o mercado de turismo? O que podemos fazer para minimizar esse impacto?

Alguns especialistas afirmam que os profissionais deverão utilizar as práticas e os conceitos da Inteligência Competitiva para antecipar-se às tendências e à evolução da indústria do turismo. E que agora é hora de inovar e focar na melhoria do negócio e oferecer produtos e serviços que surpreendam os clientes. O que você acha? Precisamos ultrapassar a linha dos roteiros e oferecer verdadeiras experiências aos clientes?

A importância de termos produtos e serviços diferenciados para atender a todos os perfis e a preocupação em como oferecer atendimento adequado e acessível e que a consultoria especializada será o único caminho para o futuro da nossa atividade no Brasil? Devemos seguir o exemplo dos agentes de viagens internacionais, tornando-se consultores de viagens totalmente preparados e altamente especializados para descobrir os desejos de cada um?

Nós continuamos sendo o maior canal de vendas da indústria do turismo. Precisamos estudar, qualificar e especializar e melhorar a distribuição de nossos produtos e serviços. Precisamos estar preparados para reverter qualquer situação adversa (fim das comissões, assédio direto dos fornecedores, margens menores, etc.) e atender realmente e definitivamente as expectativas e necessidades dos nossos clientes.

Para oferecer um atendimento de qualidade e totalmente personalizado nós devemos participar assiduamente de cursos de qualificação que são oferecidos por vários fornecedores sobre os destinos, aprender a administrar o nosso tempo, entender a gestão de atendimento e vendas e também participar de famtours (tours de familiarização) aos destinos que não conhecemos ou, se não for possível um famtour, utilizar a nossa querida “tarifa agente”. A especialização é essencial para que o agente de viagens consiga efetuar uma venda de qualidade. É saber dar uma assessoria profissional para os seus clientes. É saber que se trata de um investimento que sempre terá um retorno positivo do cliente para a agência ou para o profissional.

Atender os clientes em sua diversidade e de forma bem individualizada, buscando entender o perfil de cada um com criatividade e valor agregado aos produtos e serviços. Estas são práticas destacadas como diferenciais e ajudam em muito na fidelização de clientes.

Para uma agência ou um profissional conseguir destaque é necessário prestar uma verdadeira consultoria e assessoria de viagens informando sobre os novos hotéis e suas localizações e serviços disponibilizados, indicando os restaurantes mais badalados e as exposições que estejam acontecendo no destino são somente alguns exemplos. Mas, ao falar sobre os diferenciais e valor agregado aos produtos, podemos selecionar e reservar antecipadamente os restaurantes em que os clientes querem jantar, realizar pré-agendamento nos museus ou até mesmo uma visita fechada e exclusiva em alguma atração turística ou, se for o caso, contratar um guia especializado para acompanhá-lo em sua viagem.

Tudo tem que ser formatado a partir da entrevista feita com o cliente e chegar a um ponto comum entre as solicitações e a consultoria que fazemos. Desta forma, podemos definir um roteiro específico e apresentar um projeto personalizado para a sua viagem independente de ser uma viagem individual ou em grupo, mas sempre procurando não abrir mão da exclusividade.

Preparar viagens é um processo muito detalhado. Planejar e Contribuir com detalhes minuciosos para compor o roteiro do cliente e dar explicações minimalistas para que ele se sinta intimo dos lugares que irá visitar. É uma nova tendência que envolve qualidade, custo e a experiência de um agente de viagens. Por isso a qualificação e a especialização são importantes.

Outro ponto a ser destacado é que o profissional atende tanto a expectativa demonstrada quanto à necessidade implícita do cliente e, às vezes, o surpreende, o que o diferencia daqueles que apenas querem vender.

As agencias de viagens e os profissionais nunca se preocuparam em mostrar ao seu cliente o quanto vale seu serviço. Não é uma tarefa fácil cobrar de um consumidor como o brasileiro, mais acostumado com descontos e cortesias. Porém, esses consumidores continuarão procurando os agentes para o planejamento de viagens, pois eles detêm o conhecimento e a experiência sobre os destinos. As pessoas podem até fazer compras online, mas não dispensam a consultoria de um profissional ou de uma agência de viagens, justamente por causa de sua experiência e de seu conhecimento de mercado. Acho que é hora de todos se unirem (agentes de viagens, empresários ou não) para promover uma campanha nacional de conscientização para o consumidor. Só assim mudaremos essa cultura de mercado.

As agências de viagens estão enxugando mais suas estruturas e investindo cada vez mais em tecnologia e em capacitação para especialização de seus funcionários. Investir em um site ágil e eficiente para seus clientes, e também na formação de uma equipe de consultores especializados em cada destino pode ser uma boa opção.

A abertura de novos canais de vendas e a customização de produtos e serviços para diferentes públicos são estratégias para alavancarmos o nosso crescimento e desenvolvimento. Precisamos saber rentabilizar os obstáculos mais difíceis e aproveitar possíveis novas oportunidades. Vamos parar de vender preço. Precisamos vender qualidade.  A informação de qualidade permite a quem recebe pensar, planejar e tomar uma decisão que é algo importante e valioso e que não deve ser banalizado. As experiências que podemos proporcionar aos nossos clientes não podem estar focadas somente em preços.

A forma de comprar mudou. Hoje, quem decide onde vai comprar é o cliente. Então, todos os agentes de viagens devem estar atentos e privilegiar os vários canais de distribuição. E todos devem defender o seu diferencial no atendimento. Todo agente de viagens gostaria de ser o único canal de vendas, mas a realidade não é mais assim. Temos as agências de viagens online, temos os sites de compras coletivas etc., só que a compra não depende mais do intermediário (seja ele online ou offline) e sim do cliente.

A atenção às redes sociais é imprescindível e deve ser desenvolvida através da transparência na comunicação, pois as redes sociais podem, por um lado, expor as inconsistências de serviço das agências de viagens ou dos profissionais ou, por outro, ser um rápido e enriquecedor canal de distribuição, comunicação e ligação entre a agência de viagens e ou o profissional com o consumidor. As agências ou profissionais mais bem sucedidos serão aqueles que adotem e utilizem as novas formas de comunicação e distribuição sem subestimar ou lutar contra a sua influência.

Uma nova modalidade de publicidade conhecida como “Link Patrocinado”, também pode servir como uma grande oportunidade comercial. A publicidade por meio do link patrocinado é uma tendência global. E as agências de viagens e ou profissionais podem aproveitar essa tendência e se colocar no mesmo nível que os grandes intermediários para efetuar vendas diretas. É bom saber que a maioria das pessoas utiliza a internet para organizar as suas viagens e usar um link patrocinado como um canal de distribuição poderá ser um ótimo gerador de tráfego qualificado para a sua agência de viagens ou para você, profissional. Esse meio de fazer marketing já é uma tendência do setor.

Os profissionais e as agências de viagens também devem ficar atentos sobre a importância dos dispositivos móveis (celulares, smartphones, tablets) para a vida de bilhões de pessoas que atualmente acessam as mídias sociais, passam mensagens e fazem consultas e compram viagens através dos seus smartphones. Portanto, ter versões mobile de seus sites, criando ou usando aplicativos que facilitem a busca e a compra de viagens ou outros serviços pelos clientes e por outro lado, também é uma grande oportunidade para conhecer os hábitos dos consumidores, pois há diferentes tipos de compradores e exigências. Lembre-se que a tecnologia não resolve tudo, mas muitos já estão trabalhando na resposta às necessidades dos consumidores através da criação de novas aplicações e páginas para os dispositivos móveis.

Outra tendência é vender “Experiências” e não apenas viagens. Existem agências focadas em roteiros especialíssimos que exploram um nicho de mercado diferente e com grande potencial, mas que exige muito trabalho e muito conhecimento. Oferecer roteiros com temas pré-definidos, como mitologia grega, história da China, misticismo cristão na Idade Média, gastronomia na Itália entre outros. Ou seja, vender experiências e sentimentos é outra opção para a sua rentabilidade.

O aumento da expectativa de vida no mundo coloca muitos idosos no comando. Além de trabalharem por mais tempo, também viajam mais, pois querem aproveitar melhor o que não tiveram no passado e você, profissional de turismo não pode ou deve descuidar deles.

A ascensão da classe média vai dar lugar a um novo e expressivo desafio para o setor de turismo. As classes médias vão gerar ciclos de mudança com impactos futuros e duradouros, especialmente ao nível da evolução dos padrões de viagem no sentido de domésticos para regionais para, finalmente, internacionais. As agências de viagens e ou profissionais que conseguirem compreender as motivações e as necessidades desta nova classe poderão ser os futuros líderes da indústria do turismo.

A cooperação é a chave para o desenvolvimento. E muitas agências, especialmente aquelas de pequeno porte estão se unindo em torno de Centrais de Negócios. Essas agências ganham em poder de compra e venda. Os pequenos negócios podem ser rentáveis e se tornam mais produtivos ao atuarem em conjunto.

O mundo nos faz parecer desatualizados e sempre temos a impressão de que, a cada dia, o mercado está mudando e ficamos ansiosos para acompanhar tudo. O que é impossível no mundo atual. Não há plugados e desplugados hoje em dia. E sim quem se acomoda ou quem aceita mudar, quando necessário. É melhor analisar os cenários, entender os “sinais” não somente do mercado, mas também dos clientes e prevenir os próximos passos e aproveitar as oportunidades.

Nós somos capazes de mostrar nossa força, capacidade de organização, respeito, criatividade e principalmente nosso poder de união. Já estamos passando por mudanças extremamente significativas. O mundo mudou, a realidade parece-nos ser outra. Independente da força que temos, a união é imprescindível para responder e resolver muitas questões. Essa é a finalidade.

Se houver uma mudança de rumo, mesmo que ela não seja desejada, ter alternativas é essencial e caso esses planos não sejam necessários não tem problema, teremos aprendido mais um pouco e estudado como enfrentar as próximas crises. Portanto, investir o nosso tempo em qualificação profissional, especialização e gestão do conhecimento ajudará em muito para encontrarmos soluções para os novos problemas, pois estaremos prontos para desviá-los ou enfrentá-los se for inevitável.

Todas essas tendências podem servir para o desenvolvimento profissional e financeiro dos profissionais e das agências de viagens. Mas uma coisa é certa, bilhete aéreo não é mais um produto para o agente de viagens ganhar dinheiro. Ele é parte da viagem e muito fácil de ser comprado. Esqueça essa remuneração. Foque nos seus diferenciais. Agências e profissionais devem se atentar para as novas mudanças e as novas tendências do mercado como uma forma de obter mais lucros. Lembre-se, não se acomode e saiba construir o seu próprio futuro.

facebook-profile-picture
Antonio Moreno
"O descontentamento é o primeiro passo na evolução de um homem" Consultoria e Assessoria. CEO do Grupo Tradeclube Soluções. E-mail: antonio@tradeclubenetwork.com WhatsApp: 55-21-98117-2011
http://www.tradeclubenetwork.com

Deixe uma resposta

Top