Você está aqui
Home > Carreira > Dia do Agente de Viagens. Comemorar ou Refletir?

Dia do Agente de Viagens. Comemorar ou Refletir?

Foto Brailturis - Reprodução
Foto Brasilturis – Reprodução

Hoje é um dia que, para muitos, de comemoração e, para poucos, para refletir. Em qual grupo você se encaixa? Não entendeu? Então vou tentar te explicar. 

Em minha opinião, ser agente de viagens, é comemorar todos os dias! Por uma venda concluída, por uma meta cumprida, são motivos para comemorar. Quando você recebe um feedback de um cliente adorando o roteiro e as dicas que você elaborou para a viagem dele. É motivo de comemorar! É quando você resolve um problema (daqueles bem grandes, e você sabe que são vários, e que às vezes, não é culpa sua) para o seu cliente. Também é motivo para comemorar! E por aí vai… Portanto, todos os dias, nós temos motivos para comemorar!

Mas, hoje que é comemorado o nosso dia, acho que é um bom momento para uma reflexão sobre a nossa posição no mercado de turismo. As mudanças continuam acontecendo rapidamente e, já tivemos muitas surpresas desagradáveis pelo caminho. E, agora, com a crise econômica que, com certeza, irá influenciar, e muito, em nossa atividade profissional.

Para se adaptar a este período de instabilidade econômica que o país atravessa, é melhor começar a buscar estratégias que ajudem a minimizar custos e aperfeiçoar processos. Usar o tempo com sabedoria e dar saltos de produtividade para que as metas sejam cumpridas e o impacto dessa crise seja minimizado.

E para te ajudar, elaborei algumas perguntas que servirão como uma bússola para a sua reflexão e repensar sobre o seu desempenho no mercado turístico e, quem sabe, contribuir na elaboração de novas estratégias profissionais.

Você já parou para pensar na possibilidade de ser um micro empreendedor individual? Qual é a melhor posição: Continuar trabalhando em uma agência de viagens e ganhar uma porcentagem e um salário ínfimos ou trabalhar em casa prestando serviços de consultoria e assessoria em viagens para clientes e empresas, eliminando alguns custos e ganhando praticamente o triplo? Você já pesquisou, analisou sobre isso? O que é melhor para você?

No quesito organização, você sabe distinguir o que de fato é prioridade? Você utiliza algum método ou alguma ferramenta de gestão para agilizar a sua produtividade? Qual é o seu procedimento em relação a um deslize? Você o aceita passivamente ou considera-o bem-vindo, pois ele servirá para ajustar rotas, evitar novas urgências e aprimorar práticas?

Você participa de algum evento do mercado turístico? Quando você participa de um evento o que é mais importante para você? Você pesquisa sobre os expositores e quais serão aqueles que são interessantes para fazer um contato ou uma negociação? Você procura por referências através dos clientes desses fornecedores? Organiza um roteiro para não perder tempo no evento?

Qual é a sua posição em relação aos fornecedores? Você trabalha com muitos? Ou somente com aqueles que prestam uma excelente assessoria profissional na prestação dos seus serviços? Você está por dentro da situação atual desse fornecedor? E se ele fechar? Que posição você tomará junto aos seus clientes? O que é melhor: trabalhar diretamente com os serviços locais (receptivo, hospedagem etc.) do destino ou através de seus representantes ‘legais’ da sua região? Quantos fornecedores de um mesmo destino ou serviço que você conhece?

Quando você participa de um “famtour”, o que é mais importante para você: diversão ou conhecer profundamente a oferta turística e técnica do destino? Você é especialista em algum destino? Você é especialista em algum segmento do mercado?

Você participa de palestras, treinamentos e cursos de capacitação? Somente através de fornecedores ou por conta própria? Você assiste palestras e treinamentos pela internet? Você pesquisa roteiros, destinos, hotéis, serviços de receptivo pela internet?

Você segue algum blog ou sites de informações turísticas? Você lê jornais ou portais exclusivos para os profissionais de turismo? Você está sempre atualizado sobre o que está acontecendo com o mercado de turismo?

Você trabalha com as redes sociais? LindekdIn, Facebook, Twitter, Instagram? Tem um site na web e, também, para mobile? Participa de um algum grupo relacionado ao turismo nestas redes sociais? Você mantém contato com os seus clientes através das redes sociais ou do WhatApp, Skype ou somente através de e-mails? Você tem noções de informática? Você tem e-commerce no seu site ou blog?

Você conhece o público que frequenta o seu site, o seu blog e os contatos de suas redes sociais? Essas pessoas são importantes e que poderão ser úteis em algum momento de sua vida profissional, sejam elas contatos de algumas empresas ou clientes em potencial? Você conhece o Google Analytics?

Você tem uma carteira de clientes? Você conhece os seus clientes? Que tipo de informação você passa para o seu cliente? Você trabalha com algum software de CRM (Customer Relationship Management, em português, gerenciamento do relacionamento com o cliente)? Como é o seu atendimento para com o cliente? Você oferece uma verdadeira consultoria e assessoria de viagem sobre o destino e que esteja de acordo com as necessidades do seu cliente ou somente oferece aquele pacote ou excursão que são vendidos pelo seu fornecedor, mas não os explica com maiores detalhes? O que é mais importante para você: vender um produto/serviço de algum fornecedor ou vender uma experiência de viagem para o seu cliente?

Atualmente que tipo de negociação você tem com as aéreas? Você continua vendendo aéreo ou somente através de pacotes? Você tem algum tipo de parceria com alguma OTA (Online Travel Agency)? Você trabalha com quantos consolidadores? Você pesquisa sobre as melhores tarifas aéreas? Você só trabalha com roteiros terrestres? Você trabalha com roteiros rodoviários?

Você tem outro idioma além do português? Quantos? Você está preparado ou está se preparando para as mudanças que estão acontecendo? Você tem um planejamento de carreira no turismo? Aonde você quer chegar? Na conjuntura atual, você pensa em desistir do turismo ou criar novas formas de atender o seu cliente? O que você espera do mercado de turismo? O que você espera de você mesmo? Que tal começar a pensar em Criatividade e Inovação?

Pois é são muitas perguntas a serem respondidas. E olha que tem mais! Mas acredito que é um bom começo para você refletir, analisar, pesquisar e desenvolver um excelente plano estratégico para sua carreira no turismo e obter resultados positivos e com uma maior rentabilidade.

Respeito é bom e todo mundo gosta. Mas, antes, em primeiro lugar, você tem que se respeitar! Respeite-se, faça o dever de casa, planeje a sua vida profissional. Não pare de estudar nunca! Fique por dentro do mercado. Saiba exatamente o que você quer, e seja um excelente profissional! Com certeza você será respeitado e terá uma invejável carteira de clientes!

Portanto, Boa Sorte! E um ótimo dia, Agente de Viagens!!!

facebook-profile-picture
Antonio Moreno
"O descontentamento é o primeiro passo na evolução de um homem" Consultoria e Assessoria. CEO do Grupo Tradeclube Soluções. E-mail: antonio@tradeclubenetwork.com WhatsApp: 55-21-98117-2011
http://www.tradeclubenetwork.com

Deixe uma resposta

Top