Você está aqui
Home > Dicas > Melhore as práticas de atendimento aos seus clientes

Melhore as práticas de atendimento aos seus clientes


mundo

Conheça o produto que vende 

Você acha que a sua prestação de serviço é precária? Essa é uma questão que sempre aparece e a resposta é muito complexa porque envolve diversas variáveis, começando por você e passando pelos processos, envolvendo as estruturas de atendimento e, às vezes, pelas próprias estruturas da operação do serviço. 

E uma dessas variáveis é sobre o seu conhecimento dos produtos e serviços que você vende e seus respectivos benefícios que eles proporcionam. Você realmente conhece os produtos e serviços turísticos que vende?

Hoje em dia, suas funções vão muito além de somente apresentar o produto que o consumidor quer e fechar a venda. Hoje você tem que atuar como um consultor e conselheiro, ajudando o turista a escolher o destino da viagem, com informações detalhadas sobre o(s) local(is) a ser(em) visitado(s), o roteiro, os costumes locais, o clima, a roupa adequada, a situação política do(s) local(is) e tudo mais que possa influir na viagem.

Conhecer bem os detalhes do produto/serviço e saber harmonizá-lo ao perfil do seu cliente é um diferencial de vantagem competitiva para você agente de viagens. Através da internet, por exemplo, um consumidor pode escolher um bom hotel, com todo conforto, mas tal escolha pode se revelar um desastre, se o hotel estiver localizado numa área de poucas opções de entretenimento – teatro, cinema, restaurantes, etc.

Para que um plano de comercialização seja eficaz, é preciso que se conheça profundamente o produto turístico. Não se pode convencer alguém a comprar um produto/serviço turístico se este não é suficientemente conhecido por quem o vende. Na verdade, o produto turístico envolve um leque imenso de atividades, serviços e recursos humanos que atuam diretamente na economia da cidade, região ou país em que estão inseridas. Portanto, agente de viagens quando você estiver participando de um tour de familiarização (famtour) ou lendo ou pesquisando na internet sobre um determinado destino fique atento aos seguintes fatores:

Atrações naturais, que são os recursos naturais passiveis de exploração turística e que compreendem uma série de atrações como as florestas, cascatas, queda d’água, grutas e cavernas, etc.

Atrações culturais e históricas, que são os valores culturais e históricos passíveis de exploração turística e que compreendem os museus, monumentos, palácios e castelos, fortes, o folclore, gastronomia, arquitetura, etc.

Atrações artificiais que são os resultados diretos da ação humana, como por exemplo, os parques temáticos, campos de futebol, prédios mais altos do mundo, etc.

Entretenimentos e eventos que normalmente contribuem para o aumento da permanência do turista na região, portanto é imprescindível manter-se atualizado sobre os entretenimentos e eventos disponíveis na região como também seus horários, datas, valores, etc.

Infraestrutura urbana que é indispensável e que é a base mínima necessária que toda região possa oferecer aos seus habitantes e, claro, aos visitantes. Água encanada e potável, saneamento básico, energia elétrica, meios de comunicação e transporte, assistência médica, etc.

Infraestrutura de meios de acesso, ou seja, os meios de acessos disponíveis e as suas condições de utilização. São os meios através dos quais os turistas deslocam-se até aquela região, como por exemplo, rodoviária, aeroportos, estações ferroviárias, portos etc.

Serviços turísticos é todo o conjunto de serviços necessários para que o turista tenha as facilidades de que necessita para aproveitar o máximo a sua estada na região. Como por exemplo, postos de informações turísticas, sinalização bilíngue, delegacias especializadas no atendimento ao turista, serviços de guias de turismo e intérpretes, casas de câmbio, agências de viagens de receptivo, etc.

Organismos de turismo que é toda a estrutura pública existente que organiza, apoia, coordena e incentiva a atividade e o movimento turístico na região. Além das secretarias e turismo podemos citar os consulados e embaixadas que são representantes da região de origem do turista.

Podemos imaginar que apenas as belezas naturais são suficientes, mas não é tudo. Há a necessidade de se conhecer o produto completamente, observando os seus pontos fortes, pontos fracos e seus obstáculos e dessa forma orientando e aconselhando melhor os nossos clientes.

continua…

facebook-profile-picture
Antonio Moreno
"O descontentamento é o primeiro passo na evolução de um homem" Consultoria e Assessoria. CEO do Grupo Tradeclube Soluções. E-mail: antonio@tradeclubenetwork.com WhatsApp: 55-21-98117-2011
http://www.tradeclubenetwork.com

Deixe uma resposta

Top