Você está aqui
Home > Artigos > Reflexões sobre as manifestações no Brasil e o Setor de Turismo Brasileiro

Reflexões sobre as manifestações no Brasil e o Setor de Turismo Brasileiro

bandeira

As manifestações dos últimos dias no Brasil deixaram uma mensagem clara: o sentimento de insatisfação diante da incapacidade de o Estado atender às aspirações das pessoas e um cansaço transbordante com os casos de corrupção, da política tradicional e ultrapassada e a má qualidade dos serviços públicos em geral. 

Qualquer evento (neste caso, as passeatas pelo Brasil inteiro) de alguma repercussão pode afetar o rumo da situação e não há como prever o que vai acontecer. Essas manifestações podem se tornar aquela “fumacinha terminal na fogueira de São João” ou se transformar em um grande instrumento de transformação para nós brasileiros.

Acredito que seja uma boa hora para que nós profissionais do setor de turismo, unirmos também as nossas forças e colocarmos em pauta as nossas reivindicações, para exigirmos das associações que nos representam, sejam elas públicas ou privadas, um projeto que efetivamente contraponha-se à política atual vigente no setor de turismo que infelizmente ainda é tratado como um subsetor pela economia brasileira e com total descaso sobre a relevância do Turismo como fonte geradora de trabalho, renda e qualidade de vida para a população brasileira.

Portanto há a necessidade de debates e discussões que levem, realmente, a soluções benéficas para todos e, os nossos representantes têm que ter a humildade de admitir que é preciso mudanças e que a nossa opinião, antes de se tomar qualquer atitude, se faz importante.

Sabemos que o atual sistema de representação no setor de Turismo está desgastado, mas, infelizmente, não sabemos o que pôr no lugar. Portanto a hora de opinar, discutir e debater começou. Seja na rua ou em auditório, mesa redonda, workshop etc., e sem data para acabar.

Mas uma coisa é certa, estamos passando por uma transição para um mundo diferente onde a internet, as redes sociais, os consumidores mais exigentes e bem informados não podem ser menosprezados e nós profissionais de turismo, gestores, empreendedores, representantes que mesmo, neste momento, não havendo nenhum impacto negativo para o setor turístico em relação às manifestações devemos estar conscientes, preparados e qualificados para o que poderemos enfrentar pela frente.

facebook-profile-picture
Antonio Moreno
"O descontentamento é o primeiro passo na evolução de um homem" Consultoria e Assessoria. CEO do Grupo Tradeclube Soluções. E-mail: antonio@tradeclubenetwork.com WhatsApp: 55-21-98117-2011
http://www.tradeclubenetwork.com

Deixe uma resposta

Top